Vigilante de carro-forte é sequestrado e família vira refém

1471013424 Vigilante de carro forte é sequestrado e família vira refém

Criminosos chegaram a fotografar a família no cativeiro veja Video…

Uma quadrilha manteve a família de um vigilante de carro-forte refém por 24 horas para obrigá-lo a agir em um roubo. A ação dos bandidos, entre a noite de domingo (6) e segunda-feira (7), acabou frustrada por ação de policiais civis da 1ª DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Campinas (SP), que descobriram o plano, intervieram e acabaram por prender um dos acusados.

1CMP Vigilante de carro forte é sequestrado e família vira refém

Ao perceberem que a ação criminosa não daria certo, os bandidos libertaram a família do vigilante – a mulher, de 36 anos e os quatro filhos (de 16, 13, 8 e 1). A família foi feita refém quando estava em sua casa na cidade Hortolândia e levada para uma chácara no mesmo município.

O suspeito preso, identificado na Polícia Civil como Mateus de Souza Dias, 23 anos, foi agarrado perto de sua casa no Jardim Paulista, em Monte Mor. Ele já esteve preso pelo mesmo tipo de crime.

Os criminosos chegaram a fotografar a família, inclusive com o vigilante de 39 anos junto, com rostos cobertos e com arma apontada. A intenção, segundo policiais civis da DIG, foi uma forma de forçar ainda mais o vigilante atuar ao lado da quadrilha.

Ele passou a noite no cativeiro com a família e na manhã de segunda-feira foi liberado, para assumir seu posto no trabalho normalmente e então ajudar a abrir o carro-forte. A foto da família sob mira de arma foi levada no telefone celular dado ao vigilante, para que ele mantivesse contato com o bando.

O plano começou a cair por terra quando o vigilante chegou na empresa de transporte de valores Blue Angels. Por norma, ele não poderia entrar no posto de trabalho com telefone celular, que foi descoberto pelo detector de metais. Assim, a empresa contatou a Polícia Civil e o vigilante contou o que ocorrera.

No final da tarde de segunda-feira, os policiais descobriram o local do cativeiro, no uma chácara no bairro Recreio 2000, em Hortolândia. Ao chegarem lá, os bandidos tinham fugido e libertado os reféns em Monte Mor. A chácara foi alugada por um dia e os criminosos chegaram a enfeitar o local, para simular uma festa para crianças.

Fonte: Bom Dia Rede

 Vigilante de carro forte é sequestrado e família vira refém
Você pode deixar uma resposta, ou Rastrear a partir de seu próprio site.

Deixe uma resposta

Google+
Powered by WordPress | Designed by: Premium Themes. | Thanks to Juicers, Free WP Themes and
Shares
http://vigilanteqap.com.br/loja2/wp-content/uploads/2016/07/fb.png http://vigilanteqap.com.br/loja2/wp-content/uploads/2016/07/INT.png http://vigilanteqap.com.br/loja2/wp-content/uploads/2016/07/sch-2.png http://vigilanteqap.com.br/loja2/wp-content/uploads/2016/07/tw.png http://vigilanteqap.com.br/loja2/wp-content/uploads/2016/07/you.png