Uma mulher de 28 anos comandava o tráfico de drogas na região do bairro Vale Encantado, em Vila Velha, e obrigava uma senhora a guardar pedras de crack em sua residência. A polícia descobriu o que acontecia na tarde desta quarta-feira (290, após uma denúncia anônima. Segundo o delegado Ícaro Ruginski, da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (Deten), a senhora foi abordada em sua residência. Buscas foram realizada e os policiais encontraram aproximadamente 60 pedras de crack no local. Ao ser indagada, a mulher alegou que a droga pertencia à vizinha, que a obrigava a guardar tudo e seria uma pessoa muito perigosa. “A polícia se deslocou imediatamente até à casa da mulher indicada pela senhora. Esta assumiu prontamente a propriedade da droga. Ao realizar buscas em sua residência, encontramos R$ 250, que ela confirmou serem provenientes da venda das drogas. Falou também que deixava tudo na casa da senhora, mas negou que a ameaçava”, destacou. Ainda segundo o delegado, Alexandra da Silva Souza, de 28 anos, comandava o tráfico de drogas na região e abastecia várias bocas de fumo. “Ela fazia a entrega durante o dia e passava a noite para receber”, completou. A acusada é mulher de um presidiário que, segundo ela, responde pelo crime de roubo. A polícia ainda investiga a participação de outras pessoas no crime. Alexandra foi autuada por tráfico de drogas e será encaminhada ao presídio feminino de Tucum.

Leave a Reply

Your email address will not be published.