"Ele (Ronald) é uma criança doce, que não fala palavrão, é educado. É praticamente um europeu", disse o jogador, que logo em seguida ouviu alguém na platéia gritar: "É brasileiro". "Sim, ele é brasileiro, tem passaporte brasileiro", disse Ronaldo, que também é pai de Maria Sophia, filha de Bia Antony. "Mas eu prefiro que ele tenha amiguinhos europeus do que amiguinhos brasileiros. Os brasileiros são muito malandros", afirmou. Diante da afirmação, o colunista da Folha Clóvis Rossi, mediador da sabatina, perguntou se a declaração não poderia ser considerada racista. "Não, acho que é a realidade. A gente não queria que fosse assim. Esta diferença é uma realidade, e, se posso escolher, prefiro que meu filho tenha uma educação europeia", disse. Ronaldo também afirmou que o filho joga nas categorias de base do Real Madrid e que tem como companheiros de time outros filhos de atletas ilustres. "Ele joga com o filho do Zidane, o filho do Raúl, o filho do Cannavaro, mais os filhos de outros grandes jogadores de que não me lembro o nome. Imagine o treinador para tirar alguém desse time", brincou.


    1 Response to "Ronaldo: “Meu filho vai ter amigos europeus.”"

    • neto

      ronaldo,que declaração infeliz,pelo jeito você so é inteligente com a bola nos pés.

Leave a Reply

Your email address will not be published.