Polícia Federal do Piauí fechou 15 empresas que trabalhavam com o sistema de segurança privada sem autorização. O fechamento faz parte da operação ‘Varredura’ que acontece em todo o Estado e tem a participação de 35 policiais. A ação foi comandada pelo coordenador de Controle de Segurança Privada da PF nacional, Rodrigo de Andrade e pelo delegado de controle de Segurança Privada no Piauí, Wellington Santiago. Cerca de 157 estabelecimentos comerciais foram fiscalizado durante os dias 18 a 23 de novembro, com o objetivo de encontrar possíveis irregularidades.Foram encontrados 24 estabelecimentos que tinham irregularidades. Entre os crimes de segurança privada, estão grupos que trabalham por conta própria com segurança ou vigilância de residências. Algumas pessoas foram presas por porte ilegal de arma. De acordo com a Polícia Federal, apenas nove estabelecimentos trabalham com autorização no Piauí. Agência Bancárias ainda vão passar pela fiscalização nesta segunda-feira (23).

    2 replies to "Polícia Federal do Piauí fecha empresas de segurança acusadas de trabalharem ilegalmente"

    • dantas

      parabêns a policia federal, tem que fechar mesmo espero que isso aconteça aqui em são paulo também essas empresas clandestinas,princilpalmente na área norte.

    • alcimar

      bom feito… isso so atrapalha quem quer realmente trabalhar de maneira legal.

Leave a Reply

Your email address will not be published.