PM esmurra vigilante do Campestre Clube Mostrando total abuso de autoridade, o Policial Militar, Raimundo Gonçalves André, casado, agrediu com dois murros no rosto, o vigilante do Campestre Clube de Cajazeiras, José Sousa Cartaxo, na tarde de ontem, no interior do estabelecimento. Segundo relato do vigilante à PM, o filho do policial estava correndo em cima do toboágua da área de lazer, desta forma pondo em risco sua vida e de outras pessoas que estavam no local. Ao avisar ao pai do menino sobre a possibilidade de uma queda ou coisa pior, o PM não quis nem escutar e partiu para agressão. O policial desferiu dois muros no rosto do vigilante que teve o nariz lesionado e o olho machucado. Uma guarnição da PM foi até o local e registrou a ocorrência.

    3 replies to "PM esmurra vigilante do Campestre Clube (Paraiba)"

    • jair leonor junior

      Sou vigilante aqui de charqueadas-rs e queria saber em quantas anda o adicional de 30% para nos?????????????????? :unsure: :unsure: :unsure: :unsure:

    • cobra

      Esse mal profissional da segurança publica tem que responder só porque é filho dele, tem que responder o abuso de autoridade sim, hoje em dia tem filho de capitão que está envolvido com trafico é o que mais vê nas materias jornalisticas, só porque é o filhinho desse despreparado, mim ajuda aí.

    • security/rj

      O problema é que a nossa categoria continua sendo muito descriminada, basta ver o nosso salario que é uma miseria. Agora este péssimo profissional da segurança publica tem que ser punido de forma exemplar.

Leave a Reply

Your email address will not be published.