As empresas de segurança privada estão preocupadas com adicional de periculosidade de 30% sobre o salário dos vigilantes

As empresas de segurança privada estão preocupadas com a recente aprovação do Projeto de Lei 1033/03, pela Câmara dos Deputados, que garante adicional de periculosidade de 30% sobre o salário dos vigilantes. A proposta segue agora para sanção presidencial. Ocorre que, assim que for sancionada a Lei, as empresas terão de pagar o benefício imediatamente, o que impacta no valor dos contratos e, consequentemente, na contratação de mão de obra. “Não queremos deixar de pagar o adicional, que é um direito do vigilante, muito menos queremos demitir por conta disso. Porém, para que não haja impacto negativo, o benefício precisaria ser escalonado e concedido parceladamente a uma razão de 5% ao ano”, argumenta João Palhuca, vice-presidente do Sesvesp (Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Estado de São Paulo). Palhuca lembra que as empresas já pagam 15% referente ao benefício, valor que, há cinco anos, é negociado com entidades laborais. “Aumentar o valor em mais 15% de uma só vez trará o caos para o mercado. Será um impacto de difícil absorção pelas empresas, considerando que 38% dos contratantes são órgãos e empresas públicas, 35% são bancos e 27% indústria, comércio e serviços. Será impossível repassar esses custos dessa maneira, principalmente para os Estados que nada ofereceram até agora”. Atualmente, o piso salarial do vigilante é de R$ 1.024,03 e seu custo mensal para a empresa é de aproximadamente R$ 2.500,00, conforme constatou o estudo da FIPECAFI - Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras. “Somos um dos setores que mais sofre com custos de mão de obra, que incidem em 80%, e até agora não tivemos quaisquer incentivos para desoneração, o que limita nossa capacidade de ajuste aos sobressaltos das políticas salariais. As empresas se esforçam para cumprir todos os compromissos e gerar resultados, mas não nos surpreende que o prestador - que precisa disponibilizar até quatro trabalhadores por posto de serviço (na escala 12 X 36) - se veja à beira da insolvência”, conclui Palhuca. No Estado de São Paulo, emprega-se 206 mil vigilantes em 429 empresas de segurança legalizadas. No Brasil, o efetivo da segurança privada é superior a 640 mil vigilantes trabalhando em 1.500 empresas autorizadas a funcionar pela Polícia Federal. Sesvesp– Fundado em 1988, trabalha como entidade sindical que congrega e representa as empresas de segurança privada, segurança eletrônica e dos cursos de formação e aperfeiçoamento de vigilantes no Estado de São Paulo. Trabalha para coibir a prestação de serviços por empresas informais, que somam cerca de um terço do total de companhias do segmento. Luta, também, para que seja aprovado o Estatuto da Segurança Privada, em tramitação no Congresso Nacional, qualificando como crime a contratação de serviço de segurança privada clandestina, além da utilização de vigilantes sem treinamento e registro na Polícia Federal, que é o órgão público responsável pelo controle da segurança privada no Brasil. www.sesvesp.com.br
Fonte:  http://www.jornaldiadia.com.br
Você pode deixar uma resposta, ou Rastrear a partir de seu próprio site.

21 Respostas para “As empresas de segurança privada estão preocupadas com adicional de periculosidade de 30% sobre o salário dos vigilantes”

  1. Fagner disse:

    Isso e uma pouca vergonha.os propio sindicatos que representa a categoria de Vigilantes.querer impor os 30% de periculosidade parselado em seis de 5%. Os Vigilantes de todo o Brasil de veria unirce para canselar a contribuiçao sindical.parque mais uma vez os sindicatos que se-dis representar uma categoria de Profissionais de Segurança armados.de Vigilantes.nao ver o lado do trabalhado que coloca sua vida em risco. 30% nao paga uma vida.30% e pouco.

  2. EDSON disse:

    OLA BOM DIA ESSES 30% SERA TGAMBEM PARA OS AUXILIARES DE SEGURANÇA PRIVADA??

  3. Antonio Santos Filho disse:

    Eu queria ver esse João Palhuca ficar 12 hrs: num posto, correndo o risco de ser assaltado, ser baleado, entre outras. Porque ele não olha o quanto custa cada vigilante para o contratante, sem contar com o que as empresas de segurança descontam, indevidamente nos vencimentos dos vigilantes…como um (1) hora de refeição quando muitos trabalham corridos e so levam 15 minutos, ja assumindo em seguido seu posto. Eu não vejo a hora da Pres. Dilma Rousseff assinar essa sanção e terminar isso de uma vez. Uma coisa eu acredito, que a empresa que paga seus vigilantes corretamente, não vão sentir nada… mas com certeza terá um desempenho melhor dos vigilantes, o que lhe dará im retorno positivo.
    Assina logo Dilma Rousseff!!!….

  4. clevanilson santos disse:

    essa sesvesp só ve o lado do vigilante mais para cada vigilante que eles falam que custa 2,500 eles cobram do empresa contrantante de 6,000 a 8,000 mil por vigilante ou seja tem mais que 100% por cento de lucros em cima dos vigilantes nada melhor que a presidente Dilma mudar um poucos essas regras imposta pelo sindicatos e empresas de segurança.

  5. gustavo jacinto dos santos disse:

    jamais contribuirei para os sindicatos por eles serem sempre submisso a todas empresas. ois sempre se acovardam na hora de tomar decisoes em prol do trabalhador. alias tem muitas empresas de vigilantes que muitas vezes pagam por fora muits horas extras deixando de contribuir e prejudicando o vigilante.

  6. edivaldo c da silva disse:

    boa tarde caros amigos vigilantes espero que a nossa presidenta use o bom senço e assine logo esta lei pois nos vig estamos,sofrendo com este baixo salario. e que as empresas envestice mais em seus colaboradores dando mais opurtinidade e encentivo pois o colaborador motivado produz mais.

  7. camilo neto disse:

    meu sindicato aqui em Ribeirão e Região liga na empresa na hora em que o vigilante vai ao sindicato.fazer alguma reclamação.acho isto uma falta de ética pois deixa o vigilante constrangido.

  8. jailson de jesus disse:

    isso e uma pouca vergonha esse tao de palhosca ta de palhaçada nos fomos tomado como escravos deses parasitas que fica sentado dentro de um escritório sugando nosso sangue e esse sindi chupa sangue que DIS nos defender na verdade e sô construindo colonia e empurrando nos barranco abaixo

  9. jonatas disse:

    pessoal eu estava fuçando e achei essa noticia parece que a nossa presidente fez valer nossos direitos. a fonte e de um jornal serio.

    http://www.agora.uol.com.br/trabalho/ult10106u1199325.shtml

    Foi publicada ontem no \”Diário Oficial da União\” a aprovação, pela presidente Dilma Rousseff, da lei que garante adicional de periculosidade para vigilantes e para profissionais que trabalham expostos a energia elétrica.

    O texto será regulamentado pelo Ministério do Trabalho, mas não há prazo.

    Pela antiga redação da CLT, o artigo que tratava da periculosidade só dava o adicional de 30% para funcionários expostos a produtos inflamáveis ou explosivos, como frentistas de postos.

    A lei beneficiará quem atua com segurança pessoal e patrimonial, como vigilantes de bancos, de hospitais, de parques, de museus e de transporte de valores.

    Leia esta reportagem completa na edição impressa do Agora nesta terça, 11 de dezembro, nas bancas

  10. carlos antonio disse:

    a empressa centaro e muito ruim nao entre nela pois o rh de la e uma bagunça

  11. amilton alves disse:

    ser vamos receber periculosidade e risco de vida. sao mesma coisa,ou vamos receber os dois beneficios no contra cheque.

  12. claudino disse:

    teria que ser tudo na carteira o risco de vida nos merecemos

  13. felipe disse:

    tem gente que acha que não da pra manter uma empresa ganhando só 3 ou 4 mil reais por vigilante,causa IMPACTO financeiro nas empresas,não à o que fazer,só rir mesmo,os clientes tem que escalonar o pagamentos de faturas também metade esse ano e restante em 2014.

  14. Adevair Macedo Ribeiro disse:

    Boa tarde a todos.
    Sou vigilante à 6 anos trabalho em 2 empresas a 2 anos corridos, tenho 26 anos,
    Fico muito triste e decepcionados com a falta de despreparo para ezercer tal função desse senhor João Palhuca, chega ser ridículo as palavras desse senhor,
    Ao em vez de estudar meios adequados bom para empresas e vigilante, esse senhor sai poluindo a categoria com sua boca, me faz pensar que esse senhor e mais um mau exemplo de corrupção nesse nosso país do jeitinho,
    Quando se aprova tal lei como essa, que nossa sabia presidenta Dilma aprovou, a um estudo, pesquisas para saber se e concbivel aprovar,
    empresas lucram muito todos os anos, enconomizam com uniformes, armamentos etc , fora aquela falta que vc não tem meu amigo vigilante,
    Bem só queria expor o que eu acho, e pedir para quem for sócio desse sindicato que reveja, e olhe quem se diz estar ao lado do vigilante, pode até estar, todo dia 5
    Amigos que Deus abençôe todos nós , é nós proteja assim como nós protegemos os filhos dele .

  15. ALEX disse:

    É UMA VERGONHA ESTES EMPRESARIOS DONOS DE EMPRESA DE SEGURANÇA SÓ QUEREM LUCRAR RECEBEM MILHOES DOS CLIENTES E PARA REPASSAR 30% DE ADICIONAL FICAM CHORANDO ACHANDO ISSO OU AQUILO CAMBADA DE SAFADO SEM VERGONHA EU ACHO É BOM QUANDO SAI NOS NOTICIARIOS QUE BANDIDOS MATAM EMPRESÁRIOS, DONOS DE EMPRESA EU ACHO OTIMO

  16. eliezer disse:

    boa tarde a toda classe trabalhadora…eu particularmente fiquei contente com a noticia dos 30%.mas tem tantas coizas pra melhoria da classe.como por exemplo…assistencia medica em grupo,familha.eu nao vou me filiar em um sindicato que acha que minha familha nao preciza ter planos de saude…a dra dilma tambem tem que ver este outro lado.aqui no parana os emprezarios estao recorrendo a nao pagar estes 30%.entao sindicalistas vamos a luta companheiros…querem mais filiados…trabalhem,neste sistema.por que com 60 reais mez eu coloco meus familiares todos em um plano muito bom….ate,araucaria parana…

  17. diony disse:

    boa tarde gostaria d receber atualizações da area de segurança…

  18. Adriano disse:

    Prezados.

    A Dilma realmente é uma pedra no sapato dos empreendedores em empresas de segurança. E o mandato dela esta apenas no começo!!!

    Sds.

  19. Francisco R. Silva disse:

    Eu já recebo Risco de vida 14 porcento direito adquirido e acordado com os patrões em conversões anteriores parcelado em 5 vezes iria passar a receber 20 porcento no dissidio de 2013. E agora vou passar a ter direito a 30 porcento de periculosidade assinado pela Presidenta Dilma lei assinada desde Dezembra 2012 ja em vigor. E vejo uma grande armação e má fé dos patrões e omissão dos sindicatos que não divugaram para a classe que temos direito aos dois valores varios estados já fecharam a cordo inclusive mostrando o contrache dos vig como vai ficar sem o risco de vida. isso é inconstitucional uma safadesa quer transformar o direito de risco de vida em periculosidade.

  20. Francisco R. Silva disse:

    Amigos eu fico indignado porque algumas empresas do proprio governo como Petrobras eo Tribunal de contas da União contrataram empresas de segurança e incluiram em seus diario oficial o pagamento dos dois direitos risco de vida e periculosidade o que prova de fato temos esse direito e o sindicato dos vigilantes aceita eles(patrões)transformarem a clt em conto de fadas,eles vão rir da nossa cara,vão nos chamar de semi alfabetisados mas na verdade somos é mal informados aqui no RJ compareceram 150 homens na assembleia colomas em pauta as nossas revindicações mas to vendo uma grande robalheira no bolso dos vigs. somos como bois caminhando para o matadouro. ISSO É COVARDIA E LEI TEM QUE SE RESPEITAR.

  21. celso disse:

    concordo com o colega vagner,nós os vigilantes de todo o brasil temos que nos unir e terminar com esta tal contribuição assistencial no contra-cheque ai esses do sindicato vão trabalhar em pro da categoria dos vigilantes….e votar no piso nacional dos vigilantes que no minimo teria de ser 2.000.00 reais só pra começar…pense nisso colegas..um grande abraço do vigilante c.i.piber.

Deixe uma resposta

Google+
Powered by WordPress | Designed by: Premium Themes. | Thanks to Juicers, Free WP Themes and
Shares

“Ebook Grátis 20 Dicas para ser um Vigilante de Sucesso + Dica incrível de como conseguir sua vaga de EMPREGO.”

Baixe o seu agora
Esse Ebook vai te ajudar a:

  • Desempenhar melhor sua função.
  • Ser mais respeitado como profissional.
  • Conseguir uma possível promoção.
  • Conseguir uma vaga de emprego.
%d blogueiros gostam disto:
https://vigilanteqap.com.br/loja2/wp-content/uploads/2016/07/fb.png https://vigilanteqap.com.br/loja2/wp-content/uploads/2016/07/INT.png https://vigilanteqap.com.br/loja2/wp-content/uploads/2016/07/sch-2.png https://vigilanteqap.com.br/loja2/wp-content/uploads/2016/07/tw.png https://vigilanteqap.com.br/loja2/wp-content/uploads/2016/07/you.png