Uma vigilante de 37 anos foi assassinada na tarde desta terça-feira (29) no bairro Jardim Limoeiro, na Serra. O crime aconteceu durante o expediente de trabalho de Silvane Gomes Onofre. O assassinato foi cometido em plena luz do dia, pouco depois do cartório onde Silvane trabalhava abrir. Segundo informações da polícia, o suspeito chegou de moto e entrou no estabelecimento com um capacete. O atirador usava uma calça jeans e uma jaqueta preta e foi logo em direção à vigilante, anunciando o assalto. Na hora do crime, havia quatro clientes e duas funcionárias. O suspeito fugiu sem levar nada. Agentes da Polícia Federal e policiais civis estiveram no local. Silvane era funcionária da empresa Transegur, responsável pela segurança no cartório eleitoral da Serra. A vítima chegou a ser socorrida e levada ao Hospital Jayme Santos Neves, também na Serra, mas não resistiu. Após o crime, o estabelecimento foi fechado. Com medo, ninguém quis falar com a equipe de reportagem da TV Vitória sobre o crime. Uma câmera de segurança pode ter flagrado o suspeito entrando no estabelecimento. A polícia vai solicitar imagens do circuito interno, que podem ajudar nas investigações. Em nota, os membros do Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES) repudiaram veementemente o assassinato brutal da vigilante e pediram apuração rigorosa para prender o autor do homicídio. O desembargador Sérgio Luiz Teixeira Gama, corregedor eleitoral e vice-presidente do TRE-ES, disse que "as autoridades constituídas não estão encontrando aquela seriedade que precisam e merecem ter para enfrentar" a violência.

    5 replies to "Vigilante é assassinada em plena luz do dia em Serra-ES"

    • valdecy macedo

      mais uma colega de farda que se vai, até quando isso vai acontecer?

    • Marlon

      situação triste.
      é lamentavel mesmo, eu fico indignado
      não somos valorizados, malditos sindicatos, que nos roubam ano apos ano, ganhamos poucos, e quando a empresa não rouba mais ainda da gente,
      mais uma colega que nos deixa.que esteja em um bom lugar guerreira,

    • Amilton Rodrigues Ferreira

      onde vamos parar com tanta violência, colegas não deixem ninguém entrar no seu posto de serviço com capacete e se entrar não espere se aproximar se protejam mandem tirar o capacete não obedeceu fogo nele antes ele que nós, bandido bom é bandido morto e se vc pediu para tirar o capacete e a pessoa não tirar boa coisa ela não quer porque quem não deve não tem medo de mostrar o rosto.

    • luiz interprise

      tudo que queria era uma arma pra no minimo
      parar com algumas injustisa garanto que antis de ser preso mandava uns 10 pro inferno ha se mandava;

    • tv por assinatura online

      Depois de ler iѕto Ꭼu acreditava qսe eгa muito esclarecedor.
      Agradeço encontrar tеmpo e energia parа colocar este artigo curto juntos.
      Mɑis ᥙma vez encontrar me pessoalmente
      gastos demais tеmpo amboѕ leitura e postando comentários.
      Μaѕ então o que, erɑ ainda a pena!

Leave a Reply

Your email address will not be published.