DER informou que a polícia está investigando e lamenta o ocorrido. Segundo a polícia, o suspeito pulou o muro do DER e rendeu o vigilante. Um vigilante de 44 anos foi assassinado durante um assalto na madrugada deste sábado (15) em Vitória. Aldo Queiroz trabalhava no Departamento de Estradas e Rodagem (DER), na Ilha de Monte Belo, quando foi rendido e baleado com quatro tiros. Ninguém foi preso. O DER informou que a polícia está investigando e lamenta o ocorrido. A diretoria está procurando novas alternativas para reforçar a segurança. De acordo com a empresa de segurança VSG, empregadora de Aldo, o profissional cumpria o turno da madrugada com outro colega. O suspeito pulou o muro do DER e rendeu o vigilante. Depois de uma briga, o funcionário foi atingido com um tiro no peito, dois no rosto e um na mão. Outro vigilante de plantão ouviu a briga e disparou contra o suspeito. A polícia acredita que o assaltante foi baleado pelo vigilante. A empresa não soube dizer se o homem que pulou a grade chegou a anunciar o assalto, mas a informação é de que provavelmente queria roubar a arma. A esposa do vigilante disse que ele trabalhava há mais de 20 anos como segurança patrimonial. Aldo deixa três filhas, de 16, 20 e 25 anos, além de um garoto de 4 anos que é criado pela família. "Imagina você esperar todo dia seu marido chegar com o pão, mas um dia acordar e ele não chegar", lamentou a esposa, que preferiu não se identificar.

    1 Response to "Vigilante do Departamento de Estradas e Rodagem do ES é morto em assalto"

    • sampaiovig

      os vigilantes devem sempre estar atentos principalmente a noite muitas vezes acostumamos com a rotina de que o posto é \”sem novidades\” o perigo nãoo informa quando vem muito menos o bandido ,com certesa este morreu defendendo sua profissão talves nao seria esta a melhor maneira de resolver, mas que Deus o tenha e conforte a familia!

Leave a Reply

Your email address will not be published.