Vigilante de escola em Fortaleza é rendido e assassinado a tiros

Vigilante foi levado ao Frotinha de Messejana com cinco tiros na cabeça. Polícia Militar diz que homens tentaram roubar arma de vigilante. O vigilante de uma escola pública de Fortaleza foi assassinado a tiros nesta sexta-feira (8). De acordo com a Polícia Militar, dois homens, um deles armado, renderam o vigilante identificado como Oberdan, conduziram a vítima até o interior da escola, onde foi atingido com cinco tiros na cabeça. Oberdan trabalhava como vigilante da escola pública Joaquim Moreira de Sousa, no Bairro Parangaba, em Fortaleza. A Polícia Militar acredita que o vigilante tenha sido assassinado para ter a arma roubada e ser usada em assaltos. A arma do vigilante, no entanto, não foi roubada. O vigilante foi levado com vida ao Frotinha da Parangaba, mas faleceu em decorrência dos ferimentos. Equipes das polícias civil e militar estão no local fazendo investigações. Até a tarde desta sexta-feira, ninguém havia sido preso. A polícia diz que vai ouvir testemunhar e usar imagens de câmeras de segurança da rua para tentar identificar os suspeitos.

Deixe uma resposta