Vigilante sofre ofensas racistas de paciente de hospital em Sarandi

Um vigilante de um hospital de Sarandi, região metropolitana de Maringá, foi alvo de insultos racistas na noite de sábado (30). Segundo a Polícia Militar (PM), ele teria sido chamado de 'macaco' por uma paciente de 36 anos.

De acordo com o relato do vigilante de 27 anos, o insulto ocorreu quando ele informava o fim do horário de visitas e pedia que os visitantes deixassem a ala do Sistema Único de Saúde (SUS).

Ainda de acordo com a PM, a paciente se irritou e insultou o vigilante por ele não ter permitido a entrada do seu filho no quarto após o encerramento do horário de visitas determinado pelo hospital.

A mulher poderá responder pelos crimes de racismo e injúria.

Fonte: http://maringa.odiario.com/

Deixe uma resposta