imhssla Um vigilante de 41 anos matou o supervisor de uma empresa de segurança , em Poços de Caldas, no sul de Minas Gerais, segundo a polícia. Ele teria cometido o crime após ser demitido.

Segundo a polícia, a vítima de 37 anos levou quatro tiros de espingarda da própria empresa. O crime aconteceu dentro da empresa, na sala do supervisor A demissão do vigilante teria sido ordenada pela matriz da empresa, que fica em Belo Horizonte. O vigilante trabalhava há oito anos na empresa e está preso na delegacia de Poços de Caldas.

Leave a Reply

Your email address will not be published.